Tabelas

Distribuição Normal

​No link associado a este post você terá acesso à tabela da distribuição normal ou distribuição Gaussiana. Este nome se deve ao famoso matemático Johann Carl Friedrich Gauss. A distribuição normal foi introduzida pela primeira vez por Abraham de Moivre em um artigo no ano 1733, que foi reproduzido na segunda edição de seu The Doctrine of Chances (1738) no contexto da aproximação de distribuições binomiais para grandes valores de n. Seu resultado foi estendido por Laplace, em seu livro Analytical Theory of Probabilities (1812), e agora é chamado o teorema de DeMoivre-Laplace. Laplace usou a distribuição normal na análise de erros de experimentos. O importante método dos mínimos quadrados foi introduzido por Legendre, em 1805. Gauss, que alegou ter usado o método desde 1794, demonstrou-o rigorosamente em 1809 supondo uma distribuição normal para os erros.

Distribuição t de Student

​​A distribuição t de Student é uma distribuição de probabilidades que foi publicada por um autor que se autointitulava Student, pseudônimo de William Sealy Gosset, pois não podia usar seu nome verdadeiro para publicar trabalhos enquanto trabalhasse para a cervejaria Guinness. A distribuição t de Student é uma distribuição de probabilidades simétrica em torno do zero e que se aproxima da distribuição normal padrão à medida que aumentamos o número de graus de liberdade (este é o parâmetro da distribuição e está associado à variância amostral nos problemas). A distribuição t de Student tem uma outra propriedade interessante (muitas vezes apreciada em determinadas áreas de pesquisa científica) que é o fato de possuir caudas mais pesadas do que uma normal, ou seja, atribui mais probabilidade a eventos extremos (mais distantes da média zero).

Distribuição Qui-Quadrado

​A distribuição qui-quadrado é uma das distribuições mais utilizadas em estatística inferencial, principalmente para realizar testes qui-quadrado. Este teste serve para avaliar quantitativamente a relação entre o resultado de um experimento e a distribuição esperada para o fenômeno. Isto é, ele nos diz com quanta certeza os valores observados podem ser aceitos como regidos pela teoria em questão. Muitos outros testes de hipótese usam, também, a distribuição qui-quadrado.

Distribuição F de Snedecor

​Em teoria das probabilidades e estatística, a distribuição F de Fisher-Snedecor, também conhecida como distribuição F, distribuição F de Fisher e distribuição F de Snedecor, em homenagem ao biólogo e estatístico britânico Ronald Fisher e ao matemático norte-americano George Waddel Snedecor, é uma distribuição de probabilidade contínua que surge frequentemente como a distribuição nula da estatística de um teste, mais notadamente na análise de variância, como no teste F.